Porque O Brasil Perdeu A Copa

A derrota do Brasil na copa ainda é motivo de discussão entre os torcedores. Mas basta um pouco de informação para perceber as causas do fracasso do Brasil na copa de 2006. Jornais indicam que houve um racha no grupo de jogadores. De um lado os jogadores experientes, e de outro, os jovens jogadores, indignados com o tratamento preferencial dado por Parreira aos jogadores mais experientes. Essa situação desconfortável se tornou evidente no desenrolar dos acontecimentos após a derrota. Poucos choraram. A maioria reagiu com certa indiferença após o término do jogo, principalmente o do grupo dos mais experimentados, como se fosse uma tragédia anunciada. No dia seguinte, o grupo se desmonta, cada um seguindo seu caminho, mas todos querendo se esconder da mídia, pois o desgaste seria ainda maior. Vaias e xingamentos acompanharam a despedida do Brasil na Alemanha. E o maior erro de Parreira foi sem dúvida, a perda do controle sobre o grupo. Isso é fato. Por mais que pareça fictício, essa é a hipótese mais provável que explicaria o fiasco da seleção brasileira nesta copa. E a união do grupo é fundamental para foca-la em um objetivo vitorioso. Isto foi visível em 1958, em 1962, em 1970 e em 2002. Como também a sua ausência foi determinante nas derrotas de 1990, 1974, 1966, 1934 e agora.

Sem Titulo 4/7/2006-3:15

“Nem sempre os melhores vencem.”

Autor: Cafu

Quando: 03/07/2006

Ao comentar sobre a derrota do Brasil na copa, ao desembarcar no aeroporto de São Paulo.

Sem Titulo 4/7/2006-3:13

“Não digo que faltou vontade, mas uma reação depois do gol da França. Acho que aceitamos o gol e não tivemos força para buscar uma reação.”

Autor: Cafu

Quando: 03/07/2006

Ao comentar sobre a derrota do Brasil na copa, ao desembarcar no aeroporto de São Paulo.

Sem Titulo 4/7/2006-3:10

“Foi meu último jogo.”

Autor: Roberto Carlos

Quando: 03/07/2006

Do lateral Roberto Carlos, 33, anunciando sua aposentadoria da seleção brasileira.

Sem Titulo 4/7/2006-3:7

“Eu não estava preparado para perder.”

Autor: Carlos Alberto Parreira

Quando: 01/07/2006

Chega a ser irônico o que ele disse, pois apesar de dizer não estar preparado para a derrota, agiu para que ela ocorresse.