(-365): Primeiras palavras

Hoje se inicia um novo desafio. Talvez o maior desde quem nasci, há 26 anos atrás. A tarefa mais herculínea que pode ser dada a um indivíduo: mudar a si mesmo. A mais difícil e a mais extraordinária também, pois quando as mudanças trazem benefícios, fica evidente o bem maior que se atrai diante de si. Por meio de planejamento e dedicação, será possível fazer qualquer coisa, até mudar de vida. E isto vou provar. Tenho exatos 365 dias a partir de hoje para me dedicar ao máximo a um trabalho de mudanças que se refletirão pelo resto de minha vida e também para as pessoas que me rodeiam. O desafio está lançado. Hoje é o dia em que podemos dizer que é o marco zero de uma contagem regressiva até 12 de março de 2009, o dia de número 10000 de minha vida. Até lá devo refazer e mudar rotas, planejar estratégias, definir metas e com isso chegar ao dia 10000 com uma vida nova. Parte das ações já se encontram em andamento, outras ocorrer à medida do possível. Talvez não consiga cumprir todas as metas, mas prometo empenhar-me a atingí-las.
Estas são apenas minhas primeiras palavras, sempre que puder estarei escrevendo sobre essa jornada rumo aos meus 10.000 dias de vida.